Morto na última terça-feira, vítima de um infarto, Carlos Alberto Torres será homenageado nesta sexta-feira pelo Fluminense. O marketing do clube vem elaborando ações, guardadas a sete chaves. Os últimos detalhes estão sendo elaborados pelos profissionais do departamento.

Torres foi revelado nas categorias de base do Fluminense. Disputou 165 partida com a camisa tricolor – 162 como titular – e marcou 19 gols. A estreia aconteceu em maio de 1961. Voltou em 1975 e fez parte da Máquina daquele ano e do seguinte.

O “Capita” levantou os troféus de campeão estadual em 1964, 1975 e 1976. Esteve no grupo que conquistou o Torneio de Paris, em 1976, e do Torneio Viña del Mar no mesmo ano.