Ídolo do Fluminense, o luso-brasileiro Deco, bicampeão brasileiro pelo clube em 2010 e 2012, é alvo de investigação do Ministério Público de Portugal. As buscas fazem parte da operação “Fora de Jogo”, que está investigando “negócios simulados” (nas transferências de jogadores) e crimes de fraude.

A agência D20 Sports, que pertence ao ex-jogador, recebeu nesta quarta-feira, inclusive, membros da Polícia de Segurança Pública e da Autoridade Tributária. Outros locais como as sedes de Braga e Vitória de Guimarães também foram visitados.

Nos últimos meses, o MP de Portugal tem coordenado diversas investigação buscando mais transparência no meio do futebol. Aposentado desde 2013, Deco virou empresário do ramo de futebol após brilhar com as camisas de Porto (POR), Barcelona (ESP), Chelsea (ING) e Fluminense.