Na noite desta quinta-feira, o Fluminense fez sua estreia no Cariocão Betfair 22. Após um primeiro tempo péssimo e marcado pela desorganização defensiva, o Tricolor até melhorou na segunda etapa, mas desperdiçou muitas chances e estreou com derrota por 1 a 0 para o Bangu, no estádio Luso-Brasileiro. Roberto Baggio, ainda na etapa inicial, fez o único gol da partida.

O JOGO

Ao apito inicial, o Tricolor tentou assumir o controle do jogo, mas pouco conseguia criar na frente. Atrás, porém, é que estava o grande problema. A equipe errava demais defensivamente. Em um dos muitos vacilos dados, o Bangu aproveitou. Felipe Melo cochilou na saída de bola, o adversário roubou e pegou a zaga escancarada. Roberto Baggio recebeu frente a frente com o goleiro para abrir o marcador aos 15′ para o Bangu: 1 a 0.



Desarrumada, a defesa tricolor dava espaços absurdos. Por várias vezes, em lançamentos longos do campo de defesa, o alvirrubro teve campo aberto para atacar. A melhor chance do Flu no 1º tempo foi com Willian Bigode, aos 32′, que em erro da zaga banguense recebeu na entrada da área e chapou no canto esquerdo. A bola passou raspando a trave. No fim, Marcos Felipe ainda salvou o Tricolor de ir com um prejuízo maior para o intervalo com belíssima defesa.

Depois de um primeiro tempo ruim, os comandados de Abel Braga voltaram para a segunda etapa com uma mudança importante. Luiz Henrique entrou no lugar de Felipe Melo. A ideia era dar velocidade e deixar o time mais ofensivo para buscar a virada, mas o que se via era uma bagunça dentro de campo e muitos erros de passes bobos. Conforme o tempo passava, a pressão do Flu aumentava, empurrando o Bangu cada vez mais para trás.

A joia de Xerém deu mais dinâmica ao time. Em jogada de linha de fundo, Luiz Henrique cruzou para trás e Nathan quase empatou aos 20′, mas chutou por cima. Faltava o capricho no último passe para chegar a igualdade. Enquanto isso, do outro lado, o Bangu se fechava e fazia “cera” para segurar o placar. Os minutos finais foram de pressão total do Tricolor. Fred, cara a cara, teve a melhor chance para empatar, mas acabou travado no momento certo.

Apesar dos esforços, o Flu desperdiçou muitas chances no segundo tempo, não foi capaz de balançar as redes e estreou com derrota. Na próxima rodada, o Tricolor enfrenta o Madureira, no Raulino de Oliveira.

O Time de Guerreiros entrou em campo com: Marcos Felipe; Nino, Felipe Melo (Luiz Henrique 00’/2ºT) e David Braz; Samuel Xavier (Pineida 19’/2ºT), André, Yago, Nathan (Martinelli 23’/2ºT) e Cris Silva (Caio Paulista 19’/2ºT); Willian Bigode (Germán Cano 36’/2ºT) e Fred.