Luxemgurgo, agora, dispara contra procurador do STJD

Luxemgurgo, agora, dispara contra procurador do STJD

Luxemburgo questiona se Schmitt denunciaria um Zé Mané qualquer (Foto: Photocamera)
Luxemburgo questiona se Schmitt denunciaria um Zé Mané qualquer e fala que não há provas contra ele (Foto: Photocamera)

Vanderlei Luxemburgo não gostou nem um pouco da declaração dada por Paulo Schmitt, procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva sobre a possibilidade dele ser denunciado novamente por ter ido ao vestiário no jogo contra o Vasco. Sem se preocupar com possibilidade de um novo julgamento por falta de provas, o técnico do Fluminense fez duras críticas a Schmitt, lembrando do episódio de sua expulsão, que gerou a primeira suspensão

– Não tenho nada a dizer. Quem matou? Quem morreu? Se não tem prova, cadê o assassino? Se fosse o Zé Mané será que o Paulo Schmitt teria falado sobre isso? Será que ia querer denunciar de novo? Pergunta para ele e depois me responde. Ele está dizendo que vai me denunciar de novo. Nada a ver. Não tem prova nem nada. Por que ele também não denunciou o árbitro do jogo que me expulsou indevidamente? Ele disse que eu não tinha testemunhas, mas eu tinha duas. O Mello e o Junior Lopes. Eles presenciaram o equívoco do árbitro. Mas ele não denunciou o árbitro (Wilton Sampaio, que o expulsou contra a Portuguesa) – disparou.


Sem comentários