André jogou mais avançado no meio de campo com a manutenção de Wellington (Foto: Lucas Merçon - FFC)

O Fluminense perdeu para o Bahia por 2 a 0, neste domingo, na Fonte Nova, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Após a partida, Marcão foi questionado sobre a manutenção do questionado Wellington no meio de campo deslocando André para segundo volante, posição na qual não se sente tão confortável.

Apesar de reconhecer a atuação bem ruim da equipe, o técnico destacou que o time fez bons treinamentos com tal formação e achou que seria interessante a manutenção da formação que deu muito trabalho ao campeão Atlético-MG na rodada passada.

— Tarde ruim. A gente veio de um jogo forte, uma composição boa diante do último adversário, campeão brasileiro. Então, optamos em manter a equipe. Por isso a nossa escolha. Fizemos bons treinamentos na semana com essa formação, da maneira que a gente veio. Mas o primeiro tempo foi abaixo, muito ruim. Tanto vocês quanto nós nos cobramos. Tentamos mexer no intervalo, mas já tínhamos levado dois gols. Colocamos mais dois homens que tem essa qualidade de ficar com a bola para ver se tomávamos os controle do jogo e foi o que aconteceu. Perdemos algumas oportunidades. Tivemos algumas chances, bola na trave, outras finalizações que não deram em gol. Tarde ruim, para ser esquecida. Cobrança interna. Vamos concentrar para a partida contra a Chapecoense para que não aconteça o que fizemos de errado – disse.