(Foto: Twitter oficial do Fluminense)

Não foi uma, nem duas vezes que o atacante Fred, ídolo da torcida tricolor, frisou que deseja realmente pendurar as chuteiras no dia 21 de julho, quando se encerra o seu contrato com o Fluminense. Ele reforçou a ideia ainda no fim do último jogo, frente ao Vila Nova, quando fez o gol da vitória, apesar do próprio ter dito que Mário e Angione tentaram convencê-lo do contrário.

O NETFLU apurou, neste contexto, que a ideia da cúpula tricolor segue a mesma. Ainda sem desistir de estender o vínculo com o camisa 9, os cartolas têm conversas semanais com o jogador e seu estafe. Fred, entretanto, quer se dedicar à família.


Por conta da sequência muito grande de jogos em todas os três torneios, Fred deverá receber algumas oportunidades como titular por conta do desgaste de ser concorrente direto no ataque, o argentino Germán Cano.

O gol ante ao Vila Nova-GO, no Maracanã, foi o primeiro do ídolo na temporada. Ele está a dois gols da marca de 200 pelo Fluminense e se tornou o maior artilheiro da história da Copa do Brasil, com 37 bolas na rede, ultrapassando Romário.