Multada pela Fifa, CBF age nos casos de doping

Multada pela Fifa, CBF age nos casos de doping

decoemichaelApós pressão e multa da Fifa, a CBF pressinou o STJD a julgar os casos de doping de Michael e Deco, do Fluminense. Nesta quinta-feira, atacante e meia do clube irão ao banco dos réus, fato que promete se repetir algumas vezes.

No andamento normal dos processos, Michael ainda precisaria passar por dois julgamentos, o do TJD e o do pleno do TJD, para depois, caso fosse solicitado pela promotoria ou pela defesa, chegar à instância nacional. Já Deco, que já foi julgado em primeira instância, ainda teria de passar pelo pleno para depois seguir para o STJD.

A CBF teve de pagar R$ 25 mil a Fifa por não cumprir o prazo de 15 dias par o envio da documentação referente ao julgamento de Carlos Alberto, ex-Vasco.

Mesmo absolvido em primeira e segunda instância no TJD, o caso do jogador deveria ter sido encaminhado para a Fifa e Wada (Agência Mundial Antidoping, em inglês) analisaram a necessidade de um jogo julgamento a nível internacional.

Como não fez isso, a entidade máxima do futebol brasileiro foi multada e solicitou ao STJD que julgasse os casos ainda pendentes nas mãos do TJD para que pudesse se livrar de novas punições.