(Foto: Nelson Perez - FFC)

A meninada das categorias de base do Fluminense é, de fato, o alicerce do clube atualmente. Vivendo um momento ruim financeiramente, a diretoria do Fluminense deixou claro que precisa vender jogadores para conseguir fechar o ano com o balanço positivo. Sendo um dos clubes que mais forma e utiliza jogadores das suas categorias de base, é claro que alguns dos seus principais ativos são oriundos de Xerém, sua prolífica academia de jovens. Com esses jovens sendo constantemente sondados e cogitados em clubes europeus, casos de Wendel, Douglas e Gustavo Scarpa, por exemplo, o portal  “Esporte Interativo” buscou a porcentagem que o Tricolor tem dos direitos econômicos de cada um deles.

Confira a lista:

​Jogador Posição​ Porcentagem
​Marcos Felipe ​Goleiro ​65%
​Matheus Phillipe ​Goleiro ​65%
​Reginaldo ​Zagueiro ​50%
​Nogueira ​Zagueiro ​70%
​Frazan ​Zagueiro 60%
​Léo ​Lateral esquerdo ​80%
​Mascarenhas ​Lateral esquerdo ​70%
​Douglas ​Volante ​62,5%
​Wendel ​Volante ​90%
​Luiz Fernando ​Volante ​60%
​Mateus Norton ​Volante ​50%
​Marlon Freitas ​Volante ​52%
​Gustavo Scarpa ​Meia ​40%
​Robert ​Meia ​60%
​Luquinhas ​Meia ​100%
​Wellington Silva ​Atacante ​55%
​Marcos Junior ​Atacante ​60%
​Lucas Fernandes ​Atacante ​30%
​Pedro ​Atacante ​50%
Marquinhos Calazans​ ​Atacante ​60%
​Matheus Alessandro ​Atacante ​60%
​Peu ​Atacante ​60%
​Patrick Luan ​Atacante ​50%
​Felipe ​Atacante ​40%