Próximo jogo do Fluminense marcado para o Rio de Janeiro será no dia 26 de setembro (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Por conta das medidas de restrições para combater a Covid-19, os jogos de futebol no Brasil ocorrem sem público desde o início de 2020. No caso do Fluminense, o último jogo no Maracanã com os Tricolores presentes foi no dia 8 de março do ano passado, quando o Flu venceu por 4 a 0 a equipe do Resende no Campeonato Carioca.

O prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, anunciou que a partir de 2 de setembro, a Prefeitura do Rio vai liberar 50% da capacidade do Maracanã, com público vacinado com as duas doses da vacina. Um dos motivadores para a liberação foi a diretoria do rival Flamengo, que enviou à Prefeitura um documento apresentando os protocolos necessários para o retorno do público.

O tal protocolo enviado pelo Rubro-Negro é baseado na autorização da Conmebol para os jogos da Libertadores. A CBF estuda a volta da torcida a partir das quartas da Copa do Brasil. A Prefeitura deve responder nesta sexta-feira a solicitação do clube. Os rivais enfrentam o Olímpia (PAR) como mandantes no próximo dia 18.

Eduardo Paes falou sobre os tais protocolos que foram apresentados ao secretário de saúde, Daniel Soranz.

– Ela está sendo analisada hoje pela Secretaria. Não é porque sou vascaíno que eu não tinha respondido. Quem decide é flamenguista (Daniel Soranz). O pleito é igual o que foi feito na final da Libertadores. Amanhã a gente espera ter a resposta – afirmou Paes.