Roger Machado aponta como característica do Flamengo fazer pressão inicial (Foto: Lucas Merçon - FFC)

O Fluminense venceu o Criciúma no final desta tarde por 3 a 0, se classificando para as quartas de finais da Copa do Brasil, depois de ter pedido o primeiro jogo, fora de casa, por 2 a 1.

Para o técnico Roger Machado, embora seus comandados não tenham feito um grande jogo, o Tricolor mereceu o placar e convenceu.

– Penso que convencemos com o resultado. Não vejo que você vai dominar um adversário o tempo inteiro. Mesmo estando duas divisões abaixo. Foi um jogo de características distintas. Maracanã ficou fechado 50 dias para a Copa América e o gramado está horrível. As dificuldades vão aparecer. O que eu gostaria de falar para o torcedor é que quando a gente tiver a oportunidade de atuar bem tecnicamente e não dar nenhuma chance pro adversário, vamos buscar fazer. Não temos um super time, temos um time competitivo. Não vamos fazer um futebol brilhante, como se imagina que o torcedor mereça ver. Esse grupo se caracterizou por não desistir nunca. O que eu diria é isso, acreditar que é possível sempre, mesmo que em algum momento eles se sintam menos representados dentro de campo. Esse time vai sempre competir até o final.