Mário, Nenê e Angioni na apresentação do apoiador em 2019 (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Após a confirmação da saída de Nenê do Fluminense, Mário Bittencourt fez uma postagem homenageando o jogador em seu perfil no Instagram. Mas, informa o site Uol, que, internamente, a forma como o meia deixou o clube causou incômodo no presidente e em demais dirigentes.

Tanto no Vasco como no São paulo, Nenê já havia tomado atitude parecida no adeus. A saída parecia anunciada com o meia “cavando” a volta ao Cruz-Maltino. O motivo: a insatisfação com a reserva no Fluminense.

No último ano, Mário bancou a renovação de contrato do atleta com certo alarde. Agora, embora compreendesse a vontade do jogador, não gostou da maneira como Nenê conduziu a negociação.

O restante da diretoria também não gostou de saber da negociação “por trás” do rival, que, mesmo na Série B, atraiu o jogador. Mesmo com o incômodo, não houve mudança nos planos de se emitirem notas amistosas ao veterano apoiador através das redes sociais

No seu melhor momento pelo Fluminense, em 2020, Nenê construiu uma relação mais amistosa com a diretoria e “bombou” em redes sociais brincando com Mário Bittencourt no meme “Mário Bitcoins” junto a Miguel. O presidente pede para que o veterano e o jovem cantem o funk para a Flu TV. Relembre: