Na tarde deste domingo, o Fluminense foi a campo para enfrentar o Bahia, na Arena Fonte Nova, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com uma atuação desastrosa do zagueiro Luccas Claro e vergonhosa, sem sangue, por parte de toda a equipe, o Tricolor perdeu para o Bahia por 2 a 0, com dois gols de Gilberto, e se complicou pelo G6. Precisará de uma combinação de até três resultados na última rodada para alcançar a vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

O JOGO

A partida começou tensa. O time da casa, que precisava desesperadamente do resultado, começou tomando a iniciativa e empurrou o Tricolor para trás. Com menos de dez minutos, já havia colocado Marcos Felipe para trabalhar duas vezes. A primeira chance real criada, de fato, só aconteceu aos 15′, quando Rossi ficou cara a cara com o goleiro, mas tocou fraco de cabeça e desperdiçou a melhor oportunidade.

Só dava Bahia. Até a metade da 1ª etapa, Marcos Felipe já havia salvado o Time de Guerreiros três vezes. Mas precisou de Luccas Claro, em tarde desastrosa e de “diarreia mental”, para o time da casa chegar aos gols. Primeiro, o zagueiro subiu com a mão erguida, como em um jogo de vôlei, e deu a chance para Gilberto fazer 1 a 0 cobrando pênalti. Não satisfeito, nos acréscimos, entregou a bola no pé do centroavante para, por cobertura, fazer o segundo: 2 a 0

Na segunda etapa, com duas mudanças, o Fluminense voltou tentando jogar mais no campo do adversário, porém, pouco conseguiu criar e não deu nenhum indício de que poderia reagir. Em falha do goleiro Danilo Fernandes, o Tricolor quase diminuiu, mas a bola parou na trave. Com ânimos quentes, Rossi e Manoel foram expulsos. Yago Felipe, Wellington e Fred tomaram o terceiro amarelo e desfalcam o Flu no próximo jogo, assim como o defensor

Na última rodada, o Tricolor enfrenta a Chapecoense em casa. Precisará vencer o jogo e torcer por um novo tropeço do Bragantino, que pega o Inter, em São Paulo. Além disso, fica de olho no duelo direto entre Ceará e América-MG, que se enfrentam ainda neste domingo, e torce por empate para não perder posição na tabela.

O Time de Guerreiros entrou em campo com: Marcos Felipe; Samuel Xavier, Luccas Claro e Manoel e Danilo Barcelos; Wellington (Lucca 30’/2ºT), André (Martinelli 00’/1ºT) e Yago Felipe; Caio Paulista (Cazares 00’/2ºT), Luiz Henrique (Matheus Ferraz 30’/2ºT) e Fred (Bobadilla 30’/2ºT).