Eduardo Barros tem 40 jogos como técnico (Foto: Mailson Santana - FFC)

Com Fernando Diniz suspenso para a partida desta segunda-feira (1), contra o Santos, na Vila Belmiro, Eduardo Barros assume o comando da equipe a beira do gramado. O auxiliar já acompanhou Diniz em outros trabalhos com auxiliar e também foi treinador interino de algumas equipes.

Eduardo falou sobre seus trabalhos em outras equipes e comentou sobre seu aproveitamento quando foi treinador interino do Juventude por seis jogos.

– Em 2021, eu recebi o convite do diretor executivo do Juventude, Marcelo Barbarotti, para ser auxiliar técnico do clube, e lá permaneci até receber novo convite do Fernando Diniz, desta vez para o trabalho no Fluminense. No Juventude, fui auxiliar técnico do Marquinhos Santos, do Jair Ventura, e, mais recentemente, do Eduardo Baptista. Como treinador interino, dirigi a equipe em 6 jogos nesta temporada, com 66% de aproveitamento – disse.