Foto: Photocamera
Foto: Photocamera

O Coritiba pressionou o Fluminense no início do jogo e foi atacado nos minutos finais do primeiro tempo. Quando estava inferior na partida, fez o gol. No segundo tempo, perdeu chance cristalina, mas, no geral, ficou recuado o tempo inteiro. Cristóvão Borges, entretanto, minimiza a dificuldade de sua equipe em achar o gol


– Foi hoje (sábado). Eles fizeram 1 a 0 e se fecharam. Jogaram marcando. Esperando nossa equipe. Para atuar no contragolpe. Tínhamos de arriscar, ir para cima. Não conseguimos fazer o gol – avaliou.


Sem comentários