Diniz, segundo site, comandará interinamente a seleção brasileira (Foto: Leonardo Brasil - FFC)

O site ge noticiou nesta terça-feira que a CBF chegou a um acordo com o Fluminense para ter Fernando Diniz como técnico interino da seleção brasileira até a chegada de Carlo Ancelotti, italiano sob contrato com o Real Madrid (ESP). No programa “Seleção SporTV”, o apresentador André Rizek trouxe mais informações e afirmou que o planejamento interno da entidade era que o treinador “tampão” seguisse o trabalho ao lado do futuro comandante efetivo.

De acordo com o jornalista, pessoas na CBF haviam afirmado que existiria a promessa ao técnico interino de que ele faria parte da comissão encabeçada por Carlo Ancelotti.


Antes de Diniz, dois outros foram procurados para ocupar o posto. Um ex-jogador brasileiro que não pode assumir por conta de sua vida pessoal e um profissional europeu, ambos indicados por Ancelotti.

Vale destacar que o acerto com o italiano não é confirmado oficialmente e sim de acordo com informações de bastidores coletadas junto à CBF.