Caixa não mira mais o Fluminense e prioriza Minas Gerais

Caixa não mira mais o Fluminense e prioriza Minas Gerais

Tricolor terá de ficar com a Viton 44 ou procurar nova alternativa

Com a Viton 44 devendo cerca de R$ 5 milhões para o Fluminense, o clube esperava conseguir um acerto com a Caixa Econômica Federal. Entretanto, a empresa definiu, nesta terça-feira, que não irá estampar sua marca no tetracampeão brasileiro, pelo menos este ano.

Oficialmente, o Tricolor ainda não foi informado. Neste sentido, a Rádio Globo noticiou que a estatal quer entrar no mercado de Minas Gerais, priorizando os grandes times do estado, Atlético e Cruzeiro.