Foto: Lucas Merçon

Uma das maiores broncas dos torcedores tricolores com o atual Fluminense são os recuos, quando a equipe chama o adversário para o seu campo, tomando alguns riscos desnecessários atrás, e tenta explorar os contra-ataques. Mas a pergunta que fica é: Roger Machado pede para o time ficar atrás?

De acordo com o lateral-direito Calegari, não. Em entrevista ao portal GE, o atleta negou que o treinador peça para o time abaixar as linhas de marcação.

– Não tenho essa restrição (ficar atrás). O que acontece é que, em alguns momentos dentro das partidas, é necessário mantermos a linha de quatro para ter uma consistência defensiva maior. Mas sempre que eu tiver a oportunidade, tenho liberdade para apoiar o ataque e contribuir ofensivamente também – afirmou Calegari.