(Foto: Lucas Merçon - FFC)

A goleada sofrida pelo Fluminense na partida contra o Corinthians, válida pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, por 5 a 0, em São Paulo, foi um vexame. O maior de todo o confronto entre as equipes na história. Mas após a tragédia, a equipe comandada por Marcão ressurgiu na competição.

Foram sete jogos desde então e nenhuma outra derrota. O Tricolor conquistou cinco vitórias e teve ainda dois empates, alcançando um aproveitamento de 80,8% dos pontos disputados e possibilitando ao Flu confirmar a tão sonhada vaga na Libertadores.

Ao todo, o Time de Guerreiros fez, neste período de sete jogos, 13 gols, tomando apenas 4, o que mostra uma solidez defensiva. Além disso, os números de finalizações a favor e contra divulgados pelo Footstats também impressionam.


Nas últimas sete rodadas, o Fluminense precisou de 6,7 finalizações, na média, para fazer um gol em seus adversários. Do contrário, precisou sofrer 16,2 finalizações para tomar um gol em sua meta. Marcos Felipe chegou a ficar quatro jogos sem sofrer gols até ser vazado, de pênalti, contra o Ceará.