Flu deve direito de imagens a atletas há pelo menos 13 meses

Flu deve direito de imagens a atletas há pelo menos 13 meses

Leandro Euzébio é um dos que não recebe há meses. Foto: Photocamera
Leandro Euzébio é um dos que não recebe há meses. Foto: Photocamera

Um grupo de jogadores do Fluminense não recebe direito de imagem há, pelo menos, 13 meses. São eles: o atacante Fred, os volantes Diguinho e Jean e o zagueiro Leandro Euzébio. O atacante Walter também está nesta lista, mas com uma pendência menor, já que chegou ao clube neste ano.

Da fatia que cabe à Unimed, tudo está em dia. A parte do Fluminense é que está atrasada. Segundo Ricardo Tenório, vice de futebol, a questão está perto de ser resolvida.

– Já foram equacionados e estão sendo pagos. O Fluminense está pagando o que acordou com os jogadores. É assim com dívidas passadas, renegocia e paga – disse o dirigente.

A Unimed é responsável pelo pagamento de direitos de imagem de vários jogadores. Esses direitos correspondem de 50% a 80% do total do salário dos atletas. Fred, Conca, Diego Cavalieri, Wagner, Gum, Carlinhos, Jean, Leandro Euzébio e Diguinho são alguns dos que recebem neste formato. Hoje, a fatia da folha salarial do futebol que cabe ao clube é, segundo os dirigentes, de R$ 1,4 milhão por mês.


Sem comentários