Fluminense conquistou o título da competição (Foto: Divulgação/FFC)

Fluminense e Flamengo receberam R$ 1,250 milhão pelo aluguel do Maracanã na final da Libertadores, realizada no dia 4 de novembro, quando o Tricolor bateu o Boca Juniors (ARG) por 2 a 1 e ficou com o título da competição. A Conmebol pagou à dupla que gere o estádio, segundo informa o jornalista Rodrigo Mattos, em sua coluna no Uol.

Tal valor foi acertado em contrato da Conmebol com os administradores. Além disso, eles tiveram o direito de comercializar metade dos camarotes para o jogo e arrecadar com venda de comidas e bebidas.


O valor cobrado pelo aluguel foi maior do que o usual em virtude do estádio precisar ficar fechado por 13 dias para a Conmebol preparar o gramado. No final, as partes ficaram satisfeitas com o acordo.

Para a CBF, por exemplo, o aluguel para a simples realização do jogo com a Argentina pelas Eliminatórias foi de R$ 250 mil, o mesmo cobrado para o Vasco quando atua no estádio.