(Foto: Lucas Merçon - FFC)

O Campeonato Brasileiro terminará nesta quarta-feira. A famosa ciranda de técnicos culminou com 49 treinadores diferentes comandando os 20 participantes durante as 38 rodadas. Só cinco clubes, entre eles o Fluminense, não mudaram de comandantes.

Além do Fluminense, que tem o técnico Fernando Diniz desde o ano passado, os outros que não efetuaram mudanças foram: Palmeiras (Abel Ferreira), Grêmio (Renato Gaúcho), Bragantino (Pedro Caixinha) e Fortaleza (Juan Pablo Vojvoda).


Rebaixado, o Coritiba foi quem mais trocou de comandantes. Recém-contratado para já iniciar o processo de recuperação, Guto Ferreira é quem fecha a temporada à frente do Coxa. Confira o levantamento do site Uol dos treinadores dos 20 times da Série A:

América-MG (3): Vágner Mancini, Fabián Bustos e Diogo Giacomini
Athletico (2): Paulo Turra e Wesley Carvalho
Atlético-MG (2): Eduardo Coudet e Luiz Felipe Scolari
Bahia (2): Renato Paiva e Rogério Ceni
Botafogo (5): Luís Castro, Cláudio Caçapa, Bruno Lage, Lúcio Flávio e Tiago Nunes
Bragantino (1): Pedro Caixinha
Corinthians (5): Fernando Lázaro, Cuca, Danilo, Vanderlei Luxemburgo e Mano Menezes
Coritiba (6): António Oliveira, Leomir Souza, Antônio Carlos Zago, Thiago Kosloski, Guilherme Bossle e Guto Ferreira
Cruzeiro (4): Pepa, Fernando Seabra, Zé Ricardo e Paulo Autuori
Cuiabá (3): Ivo Vieira, Luiz Fernando Iubel e António Oliveira
Flamengo (3): Jorge Sampaoli, Mário Jorge e Tite
Fluminense (1): Fernando Diniz
Fortaleza (1): Juan Pablo Vojvoda
Goiás (3): Emerson Ávila, Armando Evangelista e Mário Henrique
Grêmio (1): Renato Gaúcho
Inter (2): Mano Menezes e Eduardo Coudet
Palmeiras (1): Abel Ferreira
Santos (4): Odair Hellmann, Paulo Turra, Diego Aguirre e Marcelo Fernandes
São Paulo (2): Rogério Ceni e Dorival Júnior
Vasco (3): Maurício Barbieri, William Batista e Ramón Díaz