Cavalieri defendeu o Fluminense entre 2011 e 2017 (Foto: Lucas Merçon - FFC)

Diego Cavalieri, que teve uma passagem longa e vitoriosa pelo Fluminense está cobrando uma dívida milionária do rival Botafogo. O goleiro entrou na Justiça e contra o Alvinegro numa ação de R$ 3,3 milhões.

O goleiro pede danos morais, indenização, multa, FGTS e verbas salariais não pagas. Na época, perto de sua saída, o jogador chegou a ter certo imbróglio com o então diretor de futebol Eduardo Freeland. Ele foi desligado do clube no dia 15 de setembro.

Cavalieri afirma que foi pressionado pela diretoria a concordar com redução de salário ou ser demitido imediatamente, usando como base o avanço no tratamento do paraguaio Gatito Fernández, que, na época, tratava de um edema no joelho direito.


Pelo Fluminense, Diego Cavalieri disputou 352 partidas entre 2011 e 2017. Foi campeão carioca e brasileiro em 2012 e da Primeira Liga em 2016.