Fluminense joga em casa no próximo sábado, mas ainda não há previsão sobre retorno de público (Foto: Twitter da Força Flu)

A Prefeitura do Rio de Janeiro e o Governo do Estado liberaram a presença de público nos estádios. A novidade consta das novas regras contra Covid-19 publicadas nesta quarta-feira em uma resolução conjunta das secretarias de Saúde do estado e do município.

O retorno dos torcedores será com restrição de capacidade. A redução dependerá da classificação do risco do novo coronavírus na região, divulgada toda sexta-feira pelo município.

Caso a região do estádio estiver com risco moderado, as arquibancadas poderão receber 20% da capacidade e manter afastamento de dois metros entre os torcedores. Se o risco estiver alto, somente 10% e com distanciaento de três metros. Já se o risco for muito alto, aí não poderá haver presença de público.

Tal resolução ainda permite o consumo de bebidas alcoólicas, mas somente no próprio assento. Deverá haver controle nos portões para evitar aglomerações na entrada e na saída.

De acordo com o último boletim, divulgado no dia 8 de janeiro, havia 18 bairros no Rio de Janeiro com risco alto. Um deles é o Maracanã. Neste caso, o estádio em que normalmente cabem 78 mil pessoas poderia receber algo em torno de 8 mil. No próximo sábado, o Fluminense encara o Sport, no Engenhão, mas ainda não há uma previsão se haverá a liberação para o público. O Vasco também receberá o Coritiba, no fim de semana, em São Januário.