Nino foi o primeiro campeão olímpico tricolor no futebol (Foto: Mailson Santana - FFC)

Nino, assim como o preparador físico Marcos Seixas e o médico Marco Azizi, foram homenageados pelo Fluminense por terem representado o clube na conquista da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Eternizado na Sala de Troféus das Laranjeiras, o zagueiro não escondeu a gratidão ao Tricolor.

O defensor destacou que por causa do Fluminense teve a possibilidade de chegar à seleção e ser o primeiro campeão olímpico da história do clube no futebol. Assim, o Tricolor também estará para sempre em sua memória.

— É uma honra indescritível estar aqui e viver este momento. É difícil até encontrar as palavras. Cheguei ao clube em 2019 e posso dizer que tenho vivido muito mais do que um dia eu sonhei. Eu já era um menino sonhador e já realizado por estar jogando aqui, em um time onde desde pequeno eu sonhei estar. O Fluminense também me deu a oportunidade de chegar à seleção brasileira, disputar os Jogos Olímpicos e de conquistar esse ouro. Fico muito honrado de estar na memória do clube a partir de hoje. E vocês podem ter certeza de que o Fluminense sempre estará na minha memória também. Obrigado ao Marcos Seixas e ao Doutor Azizi. Nós formamos uma família lá em Tóquio e eles mais do que qualquer um merecem receber esta homenagem, pois são profissionais muito preparados e capacitados no que fazem. Muito obrigado – disse, emocionado.