(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Derrotado por 1 a 0 para o Grêmio, terça-feira, na Arena do Grêmio, o Fluminense só volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo. Em partida válida pela 32ª rodada, receberá o Palmeiras. Apesar do revés, Marcão quer contar com o apoio da torcida tricolor. O técnico minimizou a polêmica recente ocorrida na vitória em casa sobre o Sport.

— Não sei quem está reclamando. Nosso torcedor é soberano. Quando está bem, vai apoiar. Quando achar que as coisas não estão funcionando, vão cobrar. E nós que trabalhamos no Fluminense temos esse entendimento. Domingo sabemos que precisaremos mais uma vez do apoio e incentivo deles. Estão e vão jogar juntos. Eles entendem o momento da nossa equipe. Pedimos o apoio e que consigam nos apoiar os 90 minutos – disse.

Na vitória tricolor sobre o Sport, Lucca chegou a esbravejar em direção a torcida após o gol de David Braz, já nos descontos do segundo tempo, e, depois da forte repercussão, tentou se retratar em rede social. Quem também teve de se manifestar foi o goleiro Marcos Felipe pelo mesmo motivo. Ele, no entanto, negou ter provocado os tricolores após o gol. Houve relatos de que ele havia colocado as mãos nos ouvidos para escutar a torcida.