Na arrecadação final, campeã carioca de 2013 foi a Ferj

Na arrecadação final, campeã carioca de 2013 foi a Ferj

Fracasso de renda e público, Carioca trouxe prejuízo aos clubes

O Botafogo conquistou o Estadual de 2013, mas a grande campeã no ano foi a Federação de Futebol do Estado Rio de Janeiro. Enquanto na maioria das partidas os clubes tiveram de pagar para jogar, a Ferj e a cooperativa de árbitros tiveram arrecadação individual superior a todos.

 
Juntas, ficaram com R$ 1.499,771, contra R$ 613.681 do Botafogo, R$ 521.243 do Flamengo, R$ 568.789 do Vasco e R$ 114.437 do Fluminense.

 
Fora o fato de que os clubes ainda sofreram penhoras, frutos de decisões judiciais para pagamento de dívidas acumuladas ao longo de anos de más administrações.

 
Na Taça Rio, houve apenas um jogo com lucro: a final entre Botafogo e Fluminense. Com renda de R$ 445.675, deduzidas as despesas de R$ 230.566,62, cada clube ficou com R$ 107.554,19.

 
Em todo o returno, o Flamengo teve um lucro de ínfimos R$ 690. O Flu, ao todo, perdeu R$ 736.189 para penhoras e despesas.