Tag

jorge jesus

Browsing

Jorge Jesus ficou conhecido no Brasil por seu trabalho incrível a frente do Flamengo, em 2019. Naquele ano, o rubro-negro foi dominante, conquistando a Libertadores e o Campeonato Brasileiro com 90 pontos. Depois de mais uma passagem com o Benfica, Jesus voltou ao Al-Hilal, da Arábia Saudita. Novamente no Campeonato Saudita, conduziu sua equipe para uma temporada histórica. Com isso, o técnico português garantiu mais um prêmio individual.

Jorge Jesus recebe prêmio de treinador do ano da Liga Saudita

Sem nenhuma surpresa, Jorge Jesus, treinador do Al-Hilal, foi eleito treinador do ano da Liga Saudita nesta quarta-feira (29). Sob seu comando, o Hilal fez uma campanha histórica, sendo campeão do Campeonato Saudita de maneira invicta.

O português também recebeu o prêmio de treinador do mês cinco vezes seguidas, de outubro de 2023, até março deste ano. Sua equipe foi campeã saudita com 31 vitórias e três empates em 34 rodadas. O time também marcou 101 gols, um a mais que o Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, e sofreu apenas 23. Os 96 pontos conquistados são recorde no torneio.

Durante a temporada, os campeões da Arábia Saudita atingiram a marca de 34 vitórias seguidas, um recorde na história do futebol mundial. Além do campeonato de pontos corridos, o clube foi campeão da Supercopa da Arábia Saudita. Para encerrar a temporada, enfrentam o Al-Nassr na final da Copa do Rei Saudita, nesta sexta-feira (31).

Vale lembrar que Jorge Jesus renovou seu contrato na Arábia Saudita nesta terça-feira (28), por mais um ano, permanecendo no Al-Hilal.

[lwptoc]

O Al-Hilal voltou a conquistar um resultado positivo e está cada vez mais próximo de conquistar o Campeonato Saudita. Na última sexta-feira (3), o time visitou o Al-Taawon e ganhou por 3 a 0, com gols de Mitrovic, Abdulhamid e Al-Shehri.

Com o resultado, a equipe chegou aos 83 pontos e, ainda com um jogo a menos para cumprir, tem nove pontos de vantagem para vice-líder Al-Nassr. Além disso, o Al-Hilal, também está classificado para a final da Copa do Rei Saudita após deixar o Al-Ittihad pelo caminho na semi.

Jorge Jesus vai deixar o Al-Hilal?

Apesar de todo o sucesso que vem acumulando no futebol árabe, com direito a incrível sequência de 34 vitórias, recorde que foi eternizado no Guinness Book, o técnico português Jorge Jesus não tem permanência assegurada no Clube.

Logo depois da vitória diante do Al-Taawon, o treinador, de 69 anos, quebrou o silêncio. O atual contrato com o Al-Hilal tem duração apenas até o término da temporada.

“O meu contrato termina no fim da temporada e não sei qual será o meu destino, mas atualmente meu foco está em conquistar títulos. Não estou pensando no meu contrato, estou pensando no campeonato”, afirmou o Mister.

Apesar de estar muito vivo para conquistar mais dois títulos, que pode fechar a tríplice coroa, visto que a equipe ficou com a Supertaça da Arábia Saudita, o Al-Hilal falhou em seu principal objetivo. O time acabou eliminado pelo Al-Ain antes da decisão da Champions League da Ásia.

[lwptoc]

Al-Hilal segue firme na liderança

O Al-Hilal visitou o Al Taawon nesta sexta-feira (03) no King Abdullah Sport City Stadium. A partida foi válida pela 30ª rodada do Campeonato Saudita. A equipe de Jorge Jesus confirmou o favoritismo, vencendo com tranquilidade por 3 a 0.

Apesar do tropeço contra o Al Ain na Champions League da Ásia, o Hilal segue forte nas outras competições. No caso, mantém seu domínio invicto no campeonato nacional, assim como nas copas. O Taawon, perdeu pela primeira vez em seis partidas.

Al-Hilal abre o placar no primeiro tempo

Aos 23 minutos, os visitantes quase marcaram o primeiro gol em um lance esquisito da defesa adversária. O português Rúben Neves recebeu a bola na intermediária, de frente para o gol. Neves então buscou o brasileiro Michael na área pela direita. O passe tinha tudo para ser interceptado pelo zagueiro, que acabou errando na tentativa de afastar a bola e ela saiu para escanteio, beirando a trave.

O gol chegou aos 40 minutos. Michael recebeu pela ponta direita, próximo da área e puxou para o pé esquerdo, levantando a bola na segunda trave. O ótimo cruzamento foi aproveitado por Mitrovic, que de peixinho, cabeceou para abrir o placar.

Segundo tempo avassalador

O time visitante matou o jogo na segunda etapa. Em mais uma jogada de Michael, o atacante arrancou pela direita, se livrou da marcação e deixou para Milinkovic-Savic. O sérvio recebeu em velocidade, invadindo a área e ajeitou para Abdulhamid finalizar sem goleiro e ampliar a vantagem.

Nos acréscimos, os comandados de Jorge Jesus sacramentaram a goleada com mais uma participação do brasileiro. Michael recebeu na direita e conduziu em velocidade até a linha de fundo. Dali, ele tocou para trás e Al Shehri finalizou de letra para balançar as redes.

A vitória mantém a vantagem de 12 pontos do Hilal, com 83, para o Al-Nassr, com 71. O clube tem tudo para conquistar o título saudita antecipadamente. O Taawon segue em quinto, com 51 pontos, sem possibilidades de classificação à Liga dos Campeões da AFC.

[lwptoc]

Sob comando do português Jorge Jesus, o Al-Hilal segue quebrando recordes de invencibilidade do futebol mundial. Já são mais de 40 partidas sem perder, incluindo 34 vitórias em sequência. Com isso, além do Campeonato Saudita, o time espera também vencer a Liga dos Campeões da AFC.

Jorge Jesus pensará em renovação após Champions Asiática

Muitos jornais locais já dão a renovação de Jorge Jesus com o Al-Hilal como um negócio fechado. Apesar disso, o veículo português, A Bola, informou neste sábado (13) que o clube deve aguardar a Champions da Ásia para terminar as negociações.

Segundo o jornal, o Hilal vai esperar pelo menos o resultado dos jogos da semifinal contra o Al Ain, de Hernán Crespo. A equipe dos Emirados Árabes Unidos faz ótima campanha, tendo eliminado o Al-Nassr de Cristiano Ronaldo nos pênaltis, pelas quartas de final.

Os confrontos pela Liga dos Campeões serão nos dias 16 e 23 de abril. Dessa forma, as expectativas de um novo acordo devem acontecer pelo final deste mês. Além da Champions, o time de Jorge Jesus acaba de conquistar a Supertaça Saudita, sobre o Al-Ittihad, do brasileiro Romarinho.

O contrato de Jesus expira em junho deste ano, no fim da temporada. Espera-se que tanto o clube como o treinador cheguem a um novo acordo sem grandes dificuldades. O português parece feliz Arábia Saudita, empilhando conquistas e podendo disputar o Mundial de Clubes.

[lwptoc]

Al-Ittihad e Al-Hilal em final de campeonato

O Al-Ittihad enfrenta o Al-Hilal nesta quinta-feira (11) às 14h30, horário de Brasília, no Mohammed bin Zayed Stadium, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, pela final da Supercopa Saudita. O Ittihad tenta o impossível, vencer o Hilal, que não perde a mais de 30 jogos.

Como chega o Al-Ittihad

Quarto colocado no Campeonato Saudita com 47 pontos, o clube atual de Karim Benzema está distante de uma vaga para a Liga dos Campeões da AFC. O Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, ocupa a última vaga, com 65 pontos. Em terceiro lugar, o Al-Ahli Saudi tem 52 pontos.

Na Supercopa Saudita, o time passou pelo Al Wehda na semifinal. Benzema abriu o placar com um minuto de jogo. A equipe ampliou ainda no primeiro tempo. Os adversários diminuíram a diferença no fim, mas já era tarde demais para uma reação. Nas últimas cinco partidas, foram quatro vitórias e um empate.

Como chega o Al-Hilal

Líder invicto e absoluto com 77 pontos no Campeonato Saudita, o time de Jorge Jesus tem sido uma máquina imparável. O Al-Nassr, vice-colocado está distante com 65 pontos. Ao todo, os comandados do português estão invictos a 40 jogos. Desses 40, foram 32 vitórias seguidas, recorde no futebol mundial.

Na Supercopa, eliminaram o time de CR7 na semifinal. O Hilal controlou os 90 minutos, abrindo dois gols de vantagem. Já próximo do fim, o astro português foi expulso de campo. Ainda assim, o Nassr marcou um gol nos acréscimos, com Sadio Mané. Em seus últimos cinco jogos, é claro, foram todos vitórias.

FICHA TÉCNICA

SUPERCOPA SAUDITA

ONDE ASSISTIR: Bandsports (TV fechada), App Bandplay e band.uol.com.br

HORA: 14h30 (horário de Brasília)

DATA: 11 de abril (quinta-feira)

LOCAL: Mohammed bin Zayed Stadium (Abu Dhabi)

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Al-Ittihad – Técnico: Marcelo Gallardo

Al-Mayouf; Al-Olayan, Al Mousa, Hegazi e Kadesh; Al-Sahafi, Al-Ghamdi, Fabinho e Hawsawi; Romarinho e Hamdallah.

Al-Hilal – Técnico: Jorge Jesus

Bono; Saud Abdulhamid, Koulibaly, Al-Bulayhi, Renan Lodi; Rúben Neves, Milinkovic-Savic; Michael, Malcom, Salem Al-Dawsari; Al-Shehri.

[lwptoc]

Duelo entre os melhores da Arábia Saudita

O Al-Hilal enfrenta o Al-Nassr nesta segunda-feira (08) às 16h30, horário de Brasília, no Mohammed bin Zayed Stadium, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, pela semifinal da Supercopa Saudita. A partida terá transmissão na TV fechada no Bandsports, e também poderá ser acompanhada em streaming no Bandplay ou no canal da Band no YouTube.

Como chega o Al-Hilal

Líder do Campeonato Saudita com 77 pontos, o Hilal de Jorge Jesus é um dos times mais embalados do futebol mundial. 12 pontos na frente do Al-Nassr em segundo, o clube está invicto na competição há 27 jogos. Desse total, 25 foram vitórias.

Com cinco triunfos nos últimos cinco jogos, o líder do campeonato chega com muita confiança. Além do sucesso nos pontos corridos, a equipe eliminou o Al-Ittihad, de Benzema, pelo placar agregado de 4 a 0 nas quartas de final da Liga dos Campeões da AFC. Mais recentemente, o clube venceu o Al Khaleej por 4 a 1.

Como chega o Al-Nassr

Muito longe do Hilal no campeonato nacional, e eliminado da Champions Asiática, a equipe de Cristiano Ronaldo busca avançar na Supercopa. Contra o Al Ain, nas quartas de final da Liga dos Campeões da Ásia, o Nassr sofreu uma eliminação dolorosa nas cobranças de pênalti.

Desde então, o clube engatou uma sequência de quatro vitórias consecutivas, incluindo duas goleadas. Primeiro sobre o Al Taee, por 5 a 1, e depois contra o Abha, pelo placar elástico de 8 a 0. Mais recentemente, o time venceu o Dhamk por 1 a 0.

FICHA TÉCNICA

SUPERCOPA SAUDITA

ONDE ASSISTIR: Bandsports, Bandplay, YouTube Band

HORA: 16h30 (horário de Brasília)

DATA: 08 de abril (segunda-feira)

LOCAL: Mohammed bin Zayed Stadium (Abu Dhabi)

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Al-Hilal – Técnico: Jorge Jesus

Yassine Bono; Saud Abdulhamid, Kalidou Koulibaly, Ali Al Bulayhi e Renan Lodi; Rúben Neves e Milinkovic-Savic; Malcom, Michael, Salem Al Dawsar e Malcom.

Al-Nassr – Técnico: Luís Castro

 David Ospina; Boushal, Al-Fatil, Laporte e Alex Telles; Otavio, Al Sulaiheem; Sadio Mane, Al-Najei e Abdul Ghareeb; Cristiano Ronaldo.

[lwptoc]

O Al-Hilal divulgou em suas redes sociais nesta segunda-feira (01) que Aleksandar Mitrovic deve ficar fora dos gramados por seis semanas. O artilheiro do time se lesionou no confronto contra o Al Shabab, de Vítor Pereira, pela 25ª rodada do Campeonato Saudita.

Mitrovic será um desfalque importante para o Al-Hilal

O sérvio deve perder cerca de dez jogos pelo Al-Hilal, entre eles, dois mais significativos. A equipe de Jorge Jesus vai enfrentar o Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos, comandado por Hernán Crespo, na semifinal da Liga dos Campeões da AFC. Mitrovic perderia tanto o jogo de ida, como de volta.

Desde que chegou ao futebol árabe, o atleta de 29 anos vive grande fase. Pela liga saudita, Mitrovic soma 22 gols e cinco assistências em 22 partidas. Na Liga dos Campeões da Ásia, são oito gols e duas assistências em dez jogos.

O goleador será uma perda importante para o time mais embalado do futebol mundial. Após 28 vitórias seguidas, recorde no futebol, o Al-Hilal tem tudo para vencer o Campeonato Saudita, estando 12 pontos na frente do Al-Nassr de Cristiano Ronaldo.

Além do campeonato nacional, o Hilal é favorito na Liga dos Campeões, tendo eliminado o Al-Ittihad nas quartas de final por 4 a 0 no placar agregado. O Al Ain, que chega nas semis após eliminar o Al-Nassr, pode ser um desafio, especialmente sem a presença de Mitrovic.

[lwptoc]

O Al-Hilal vai receber o Al Okhdood na Kingdom Arena, em Riade, na Arábia Saudita nesta terça-feira (02) às 16h (horário de Brasília) em partida válida pela 26ª rodada do Campeonato Saudita. O confronto terá transmissão ao vivo no YouTube, pelo Canal GOAT.

Al-Hilal chega como claro favorito

O Hilal, invicto nos últimos 36 jogos, chega como líder absoluto do campeonato com 71 pontos, 12 a mais que o Al-Nassr de Cristiano Ronaldo em segundo. O Okhdood, por sua vez, se encontra com apenas 24 pontos, na 15ª colocação. O duelo será muito importante para os visitantes, que estão apenas dois pontos acima da zona de rebaixamento.

Será a segunda vez que esses times se enfrentam neste tornei. No primeiro confronto, os líderes do campeonato venceram por 3 a 0. As expectativas são de que o Al-Hilal, de Jorge Jesus, repita o feito de antes, mantendo a excelente fase do clube.

 Possíveis escalações

Os liderados pelo técnico português vêm com Bounou; Abdulhamid, Koulibaly,  Al-Bulaiji, Al Shahrani; Ruben Neves, Michael, Sergej Milinkovic-Savic; Malcon, Al Dawsari e Abdullah Alhamddan.

O Al-Okhdood do treinador Martin Sevela vai a campo com Paulo Vitor; Al-Zabdani, Kverkveliya, Andrei Burca, Al Mansour; Pedroza, Al-Muwallad; Álex Collado, Tanase, Godwin; Tawamba.

[lwptoc]

Jorge Jesus ganha mais um prêmio

Além da ótima campanha com o Al-Hilal, o treinador Jorge Jesus alcançou um novo recorde de conquistas individuais nesta segunda-feira (01). Pelo quinto mês seguido, o treinador português foi premiado como o melhor técnico da liga saudita. Jesus é o primeiro comandante a conquistar tal feito.

Previamente, o Al Hilal tinha alcançado a impressionante marca de 36 jogos invictos, sendo 28 vitórias consecutivas, a maior marca na história do futebol. O desempenho da equipe tem trazido muito reconhecimento a Jorge Jesus, evidenciado por seus prêmios individuais.

O treinador de 69 anos foi eleito o melhor do mês desde outubro do ano passado. Vale ressaltar que o campeonato ficou em pausa em janeiro. Desde que chegou no futebol árabe em 2018, Jesus é o técnico mais premiado da liga.

Atualmente, o Hilal lidera o campeonato saudita com 12 pontos de vantagem sobre o Al-Nassr. Na Liga dos Campeões da AFC, o time está na semifinal, e vai enfrentar o Al Ain. Jorge Jesus buscará seu segundo e terceiro títulos pelo clube. Em 2018, a equipe conquistou a Supercopa da Arábia Saudita.

[lwptoc]

Jorge Jesus recebe +1 prêmio individual

O Al-Hilal segue acumulando uma sequência incrível de resultados e atrás do recorde mundial de vitórias. Neste meio de semana, o time voltou a bater o rival Al-Ittihad, ficando ainda mais próximo da marca histórica. O ótimo rendimento da equipe vem fazendo o técnico português Jorge Jesus ter seu trabalho reconhecido.

Nesta quarta-feira (6), o experiente comandante, de 69 anos, recebeu, pela quarta vez consecutiva, o prêmio de treinador do mês na Liga Saudita.

Durante o mês de fevereiro, o Al-Hilal venceu três partidas do torneio nacional, contra a Al Raed, Al Ettifaq e Al-Ittihad. Já na Liga dos Campeões da Ásia, a equipe bateu Sepahan, do Irã, e também o Ittihad. O ex-técnico do Flamengo já havia faturado o prêmio em novembro, dezembro e janeiro.

Líder isolado da Liga Saudita e em vantagem contra o Al-Ittihad na Liga dos Campões, o Al-HIlal já soma 26 triunfos seguidos, apenas um a menos do que o recordista de vitórias do futebol mundial, o The New Saints, de País de Gales.

[lwptoc]

Brasileiro recebe premiação

O troféu de melhor jogador do mês de fevereiro ficou com Anderson Talisca. O brasileiro, companheiro de Cristiano Ronaldo no Al-Nassr, marcou cinco gols em dois jogos. O meia-atacante, entretanto teve sua sequência interrompida por conta de uma grave lesão e deve perder o restante da temporada.

O Al-Hilal voltou a vencer o rival Al-Ittihad e está cada vez mais próximo de bater um recorde histórico de vitórias no futebol mundial. De quebra, a equipe comandada pelo técnico português Jorge Jesus também está muito perto de avançar de fase da Liga dos Campeões da Ásia.

Al-Hilal fica próximo de bater recorde

Jogando em casa, na Kigdom Arena, em Riade, Arábia Saudita, no confronto de ida das quartas de final, o Al-Hilal definiu a partida na reta final do primeiro tempo.

Com 37 minutos, depois de um cruzamento, Mitrovic foi derrubado e o árbitro marcou pênalti. O camisa 9 assumiu a cobrança e marcou o primeiro. Pouco depois, aos 41′, o brasileiro Malcom avançou em velocidade pela esquerda e deu passe rasteiro para Salem Al-Dawsari, que chegou finalizando sem chances para o goleiro Al-Mayouf.

O triunfo pelo placar de 2 a 0 foi a 26ª vitória consecutiva do Al-Hilal. Agora, o time está apenas uma vitória atrás do The New Saints, do País de Gales, que acumulou uma sequência de 27 partidas apenas vencendo em 2016.

Na próxima sexta-feira (8), o Al-Hilal visita o Al-Riyadh, às 11h (de Brasília), pelo Campeonato Saudita, quando poderá igualar a marca dos galeses. Já a confirmação do recorde pode vir, justamente, diante do rival.

O Al-Hilal vai encarar o Al-Ittihad na próxima terça-feira (12), a partir das 16h (horário de Brasília), no estádio King Abdullah, em Jedah, pelo jogo da volta das quartas de final.

[lwptoc]

Líder isolado e invicto do Campeonato Saudita com 59 pontos, o Al-Hilal chegou a impressionantes 24 vitórias consecutivas na temporada. Em entrevista ao jornal “O Jogo”, o meio-campista português Rúben Neves rasgou elogios para o treinador Jorge Jesus.

– Em termos táticos, é o melhor que tive. O segredo das vitórias consecutivas está no trabalho árduo e na clareza. Estamos no auge quando o adversário recua no último quarto de hora, além do aspecto tático, em que ele (Jesus) se destaca. Ele trabalha para levar a equipe aos melhores níveis técnicos e físicos. Corro mais aqui do que na Inglaterra. É uma exigência do Jesus. Minha presença no Al-Hilal me ajuda a continuar na seleção de Portugal. – comentou.

A equipe de Jorge Jesus está a apenas 3 triunfos de igualar o The New Saints, do País de Gales, que está no Guinness Book como detentora do maior recorde mundial de vitórias seguidas, com 27. Especulado no Barcelona antes de fechar com o Al-Hilal, o ex-jogador do Wolverhampton e do Porto comentou sobre a escolha de atuar na Arábia Saudita no auge carreira, aos 26 anos.

– Um projeto diferente, novo, no qual só tinha a ganhar. Não quis arriscar esperar novamente por certos clubes. Olhei para a minha carreira, para a minha família, falei com várias pessoas e foi fácil decidir. Apareceu no momento certo e sabia que não influenciaria as minhas idas à seleção. Estou a jogar no maior clube da Ásia, as coisas têm corrido extremamente bem. Estou muito feliz, a minha família também e foi a melhor decisão que podia ter tomado. Há algumas ofertas que não podem ser ignoradas. – completou.

LÍDER ISOLADO

Mesmo com a lesão de Neymar, o Al-Hilal segue dominando o Campeonato Saudita. Na liderança de forma invicta com 59 pontos, a equipe de Jorge Jesus tem sete pontos de vantagem para o segundo colocado Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, Sadio Mané e Luis Castro.

Na Champions League da Ásia, o Al-Hilal se classificou na ponta do grupo D com 16 pontos, campanha de cinco vitórias e um empate. A chave também contava com Navbahor Namangan, do Uzbequistão, Nassaji Mazandaran, do Irã, e Mumbai City, da Índia.

Após superar o Sepahan, do Irã por 6 a 2 no agregado das oitavas de final, o Al-Hilal vai enfrentar o também saudita Al-Ittihad nas quartas de final. O primeiro jogo acontece no dia 5 de março, e a volta no dia 12 do mesmo mês.

Fonte: GE

[lwptoc]

Líder isolado e invicto do Campeonato Saudita com 59 pontos, o Al-Hilal chegou a impressionantes 24 vitórias consecutivas na temporada. Em entrevista, o treinador da equipe, o português Jorge Jesus, afirmou que o futebol saudita é mais forte financeira e tecnicamente do que a Liga de Portugal.

– Não quero fazer comparações, mas, se pensarmos um pouco, é fácil perceber. A qualidade dos jogadores dos times daqui da Arábia, como o Al-Ittihad, o Al-Hilal, o Al-Nassr ou o Al-Ahli, custam milhões. Nem há comparação possível com Portugal. Só quem não acompanha o Campeonato Saudita é que não percebe as diferenças entre as equipes. Se os grandes jogadores que estavam na Europa agora estão aqui, forçosamente os times daqui são melhores. Não é preciso eu estar dizendo. – comentou.

A equipe de Jorge Jesus está a apenas 3 triunfos de igualar o The New Saints, do País de Gales, que está no Guinness Book como detentora do maior recorde mundial de vitórias seguidas, com 27.

– Quem pensa que nos sentimos pressionados por ter de bater o recorde mundial de vitórias consecutivas está completamente enganado. Sim, temos 24 vitórias seguidas e estamos a quatro de bater esse máximo. Mas isso não nos pressiona porque quem está no Al-Hilal tem de jogar sempre para ganhar. Cada vitória que conseguimos nos coloca mais perto do objetivo, que é ganhar seja o Campeonato (Saudita), a Champions (da Ásia) ou a Copa (do Rei Saudita). Portanto, bater esse recorde significaria coisas boas para nós. – completou.

LÍDER ISOLADO

Mesmo com a lesão de Neymar, o Al-Hilal segue dominando o Campeonato Saudita. Na liderança de forma invicta com 59 pontos, a equipe de Jorge Jesus tem sete pontos de vantagem para o segundo colocado Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, Sadio Mané e Luis Castro.

Na Champions League da Ásia, o Al-Hilal se classificou na ponta do grupo D com 16 pontos, campanha de cinco vitórias e um empate. A chave também contava com Navbahor Namangan, do Uzbequistão, Nassaji Mazandaran, do Irã, e Mumbai City, da Índia.

Após superar o Sepahan, do Irã por 6 a 2 no agregado das oitavas de final, o Al-Hilal vai enfrentar o também saudita Al-Ittihad nas quartas de final. O primeiro jogo acontece no dia 5 de março, e a volta no dia 12 do mesmo mês.

Fonte: GE

[lwptoc]

Líder isolado e invicto do Campeonato Saudita com 59 pontos, o Al-Hilal chegou a impressionantes 24 vitórias consecutivas na temporada após superar o Al-Ettifaq por 2 a 0 nesta segunda-feira (26), no Prince Mohamed Bin Fahd Stadium, pela 21ª rodada do Campeonato Saudita. Milinkovic-Savic e Salem Al-Dawsari marcaram os gols da equipe de Jorge Jesus.

Com 24 vitórias seguidas, o Al Hilal está a apenas 3 triunfos de igualar o The New Saints, do País de Gales, que está no Guinness Book como detentora do maior recorde mundial de vitórias seguidas, com 27.

Treinado por Steven Gerrard, o Al-Ettifaq ocupa a oitava posição com 28 pontos. O clube volta a campo no próximo sábado (2), às 11h (de Brasília), contra o Damac, fora de casa. Já o Al-Hilal recebe o Al-Ittihad, de Benzema, Kanté e Fabinho, nesta sexta-feira (1), na Kingdom Arena, em Riade.

LÍDER ISOLADO

Mesmo com a lesão de Neymar, o Al-Hilal segue dominando o Campeonato Saudita. Na liderança de forma invicta com 59 pontos, a equipe de Jorge Jesus tem sete pontos de vantagem para o segundo colocado Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, Sadio Mané e Luis Castro.

Na Champions League da Ásia, o Al-Hilal se classificou na ponta do grupo D com 16 pontos, campanha de cinco vitórias e um empate. A chave também contava com Navbahor Namangan, do Uzbequistão, Nassaji Mazandaran, do Irã, e Mumbai City, da Índia.

Após superar o Sepahan, do Irã por 6 a 2 no agregado das oitavas de final, o Al-Hilal vai enfrentar o também saudita Al-Ittihad nas quartas de final. O primeiro jogo acontece no dia 5 de março, e a volta no dia 12 do mesmo mês.

[lwptoc]

Líder isolado e invicto do Campeonato Saudita com 56 pontos, o Al-Hilal chegou a impressionantes 22 vitórias consutivas na temporada. Após a vitórias de 3 a 1 sobre o Al-Raed neste domingo (18), o treinador Jorge Jesus ressaltou que conquistar títulos é o verdadeiro objetivo da equipe.

– Fizemos um bom primeiro tempo, fomos uma equipe muito agressiva com e sem bola. Sabia que não podíamos ter ritmo de jogo alto em 90 minutos porque jogámos no Irã há três dias, por isso, depois do 3-0, os nossos jogadores acabaram por gerir o jogo. Foi a vigésima segunda vitória seguida e quinta-feira temos mais um jogo para a Champions. Nunca tive, em tantos anos de treinador, 22 vitórias seguidas e 30 jogos seguidos sem perder. Mas o que interessa é ganhar a Liga e a Champions da Ásia. Não interessam recordes sem ganhar os títulos. – comentou.

LÍDER ISOLADO

Mesmo com a lesão de Neymar, o Al-Hilal segue dominando o Campeonato Saudita. Na liderança de forma invicta com 56 pontos, a equipe de Jorge Jesus tem sete pontos de vantagem para o segundo colocado Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, Sadio Mané e Luis Castro.

Na Champions League da Ásia, o Al-Hilal se classificou na ponta do grupo D com 16 pontos, campanha de cinco vitórias e um empate. A chave também contava com Navbahor Namangan, do Uzbequistão, Nassaji Mazandaran, do Irã, e Mumbai City, da Índia.

O adversário nas oitavas de final é o Sepahan , do Irã, segundo colocado do grupo, que teve o Al-Ittihad, também da Arábia Saudita, na ponta. O primeiro jogo acontece nesta quinta-feira (15), no Irã, com a volta no dia 22 de fevereiro, na Arábia Saudita.

[lwptoc]

Nesta quinta-feira (8), a equipe do Al-Nassr perdeu para o Al-Hilal, rivais na da Liga Saudita, em amistoso que aconteceu na Arábia Saudita. A derrota gerou muita revolta no craque português, Cristiano Ronaldo do Al-Nassr.

Cristiano Ronaldo perde a cabeça no meio da partida

O Português destaque do Al-Nassr, Cristiano Ronaldo, foi flagrado fazendo gesto obsceno para a torcida do Al-Hilal, que o provocou durante o jogo.

CR7 foi provocado durante toda a partida pela torcida adversaria. Gritos da arquibancada dizendo, “Messi, Messi” ecoavam por todo estádio. O craque aguentou por um tempo, mas quando seu time perdia por 2 a 0, o Português não aguantou as provocações e começou a interagir com arquibancada, em forma de deboche, pedindo para que a torcida gritasse mais alto.

Como se não bastasse o que aconteceu durante a partida, um adereço foi arremessado, pela torcida do Hilal, no túnel do campo para o vestiário assim que Cristiano Ronaldo passava pelo local. Claramente irritado com o ocorrido, o atacante colocou o acessório dentro do próprio calção antes de jogá-lo de volta na direção das arquibancadas.

Foto: Divulgação / Al-Nassr

Cristiano também se irritou na cerimônia pós-jogo. Puxando a fila de jogadores do Al-Nassr, ele reclamou com um membro da organização do torneio que parou na sua frente e acabou atrapalhando a passagem. O jogador pode ser visto de cara fechada enquanto recebe aplausos do elenco do Al-Hilal.

[lwptoc]

Em entrevista ao jornal português Record, o treinador Jorge Jesus, atual técnico de Neymar no Al-Hilal, foi perguntado sobre o foco do brasileiro no futebol. O Comandante elogiou o camisa 10 da equipe, mas fez ponderações sobre a vida do jogador fora de campo, comparando com Cristiano Ronaldo.

– Trabalhamos um mês e meio ou mais. Ele é uma coisa fora do normal, fora de série. Portanto, perdemos qualidade (devido à ausência de Neymar por conta da lesão no joelho). É um menino muito fácil de liderar, muito doce e muito compreensivo. A vida para além do futebol dele, é a maneira dele. Acho que ele é o contrário do Ronaldo. O Ronaldo tem mais paixão pelo futebol, portanto conhece a prioridade. O Neymar tem mais paixão por outras coisas, a vida dele privada lá fora. Como jogador é fabuloso. Como homem, me surpreendeu positivamente em tudo. – disse Jorge Jesus.

Se recuperando de lesão no joelho sofrida em outubro, durante jogo da Seleção Brasileira pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, Neymar tem retorno aos gramados programado para o meio de 2024.

Fonte: OneFootball e GE

Nesta tarde de sexta-feira (15), o Al-Hilal, venceu a equipe do Al-Wehda por 2 a 0 e “conquistou”, simbolicamente, o primeiro turno do Sauditão. O time de Jorge Jesus chegou a 18 vitórias seguidas contando todas as competições, 17 delas sem seu principal reforço, Neymar.

Os gols da partida disputada em Riade, foram feitos por Abdulhamid, aos 20 minutos de jogo, e Mitrovic, de cabeça, após ótima jogada e assistência do brasileiro Malcom, aos 35 minutos da etapa final.

Após 17 rodadas da Liga Saudita, o Al-Hilal soma 47 pontos, dez à frente do vice-líder, Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo. O time não perdeu na competição (5 vitórias e dois empates) e anotou 50 gols até aqui.

Confira os melhores momentos da partida entre Al-Hilal x Al-Wehda, pelo Campeonato Saudita;

Nesta sexta-feira (20), em compromisso pela 10ª rodada da Liga Saudita, o Al Hilal recebeu o Al Khaleej, em Riade, e venceu por 1 a 0 no primeiro jogo sem Neymar, que sofreu séria lesão a serviço do Brasil. Mas a partida também ficou marcada por Michael, ex-Flamengo, que se irritou com o técnico Jorge Jesus por ter sido substituído.

Michael pareceu ficar incomodado e, ao chegar ao banco de reservas, atirou uma garrafa d’água no chão. O jogador foi titular e acabou substituído aos 45 minutos do segundo tempo, em partida que teve mais de 10 minutos de acréscimo. Ao presenciar a atitude do brasileiro, o técnico Jorge Jesus caminhou em direção ao atacante, que comandou pouco tempo durante a sua passagem pelo Rubro-Negro, mas no meio do caminho foi contido por seu auxiliar, João de Deus.

Veja no vídeo abaixo:

Com a vitória desta sexta-feira, o Al-Hilal chegou a oito vitórias em dez jogos (além de dois empates), e segue na liderança do campeonato saudita, três pontos à frente do Al-Taawoun, que empatou com o Al-Ittihad, terceiro colocado.

O treinador Jorge Jesus concedeu entrevista coletiva após a vitória do Al-Hilal por 1 a 0 sobre o Al-Jabalain, pela Copa do Rei saudita. Questionado sobre Neymar, o português reforçou a boa relação com o craque e explicou a ausência do brasileiro na partida.

– Tenho uma relação forte e especial com ele, que vem ainda antes da sua chegada. Decidi dar descanso ao Neymar depois de vê-lo no domingo. Criamos um programa específico, porque ele precisa de mais tempo para recuperar totalmente a forma física. Quando o Neymar recuperar o nível habitual, o ataque do Al-Hilal estará maravilhoso. – disse técnico.

Nesta segunda (25), o diário Sport, da Espanha, publicou a informação de que Neymar teria pedido a demissão do treinador Jorge Jesus. Insatisfeito, o craque brasileiro usou as redes sociais para desmentir a notícia do jornal espanhol, afirmando ser “fake news”.

Foto: Divulgação/ Al Hilal

O Al-Hilal venceu o Al-Jabalain, da segunda divisão, por 1 a 0 nesta segunda-feira (25), e avançou para as oitavas de final da Copa do Rei saudita. O gol da partida foi marcado pelo português Ruben Neves.

Envolvido em polêmica com Jorge Jesus, Neymar não foi relacionado para a partida, assim como o atacante Michael.

O time do craqe=ue brasileiro se encontra na segunda posição da liga saudita com 17 pontos, um atrás do líder Al-Ittihad após sete rodadas.

Nesta segunda (25), o diário Sport, da Espanha, publicou a informação de que Neymar teria pedido a demissão do treinador Jorge Jesus. Insatisfeito, o craque brasileiro usou as redes sociais para desmentir a notícia do jornal espanhol, afirmando ser “fake news”.

– Mentira… vocês têm que parar de ficar acreditando nessas coisas, páginas como essa… com milhões de seguidores não podem ficar postando fake news! Com todo o respeito do mundo, eu peço para que pare com isso. É muita falta de respeito. – disse Neymar em comentário no Instagram.

Segundo o portal, Neymar e Jorge Jesus teriam discutido após o empate por 1 x 1 com o Navbahor Namangan, do Uzbequistão, pela Champions League. A situação do treinador português segue delicada, com vaias após tropeço no campeonato saudita.

Segundo informações quente, o craque da Seleção Brasileira e do Al-Hilal, Neymar não estaria feliz com o seu início no futebol árabe. Ney teria pedido a demissão de forma imediata do técnico Jorge Jesus aos dirigentes do clube asiático.

Segundo jornal espanholSport”, Neymar está infeliz nessa sua nova aventura, chegando a ter conflitos com o atual treinador de sua equipe. Jorge Jesus chegou a criticar Neymar por conta da má atitude do brasileiro em campo, que foi respondida pelo camisa 10 da pior forma possível.

Vale destacar que, recentemente, já haviam saído informações de que os dirigentes do Al-Hilal estariam pensando na possibilidade de demitir Jorge Jesus pela inconstância da equipe na temporada. Esse pedido por parte de Neymar pode potencializar o fato.

Foto: Divulgação/Al-Hilal

Com mais uma atuação ruim, o Al-Hilal empatou por 1 a 1 com o Damac nesta quinta-feira (21), pela sétima rodada do Campeonato Saudita. O brasileiro Malcom abriu o placar, enquanto Stanciu igualou o marcador, que só não foi pior para a equipe de Neymar por conta do goleiro Bono, que apareceu com defesas decisivas.

Pressionado no cargo, Jorge Jesus foi vaiado pela torcida ao deixar o gramado do estádio Prince Sultan bin Abdulaziz. Na entrevista coletiva, o português ex-Flamengo culpou a sequência de jogos pelos resultados ruins.

Com o empate, o Al-Hilal chega aos 17 pontos na tabela de classificação do Sauditão e pode ser ultrapassado por Al-Ittihad, que joga ainda nesta quinta, e Al-Ahli, que enfrenta o Al-Nassr nesta sexta. Tanto o time de Benzema quanto a equipe de Roberto Firmino somam 15 pontos até aqui.

Foto: Divulgação/ Al Hilal

Segundo o canal “Sport Italia“, dirigentes do Al-Hilal se reuniram com o empresário de Jorge Jesus na terça-feira e avisaram da possibilidade de rescindir o contrato do treinador caso o rendimento da equipe não melhore.

O Al-Hilal lidera o Campeonato Saudita, com cinco vitórias e um empate em seis jogos. Porém, decepcionou na estreia na Champions da Ásia, quando empatou em 1 a 1 com o Navbahor, do Uzbequistão, jogando em casa.

Jesus não era a primeira opção do clube saudita. Ex-técnico da Seleção, Tite chegou a ser cogitado na equipe, mas recusou as ofertas. 

Com a ida de Cristiano Ronaldo para o Al-Nassr, os últimos meses temos visto uma grande movimentação das equipes do futebol árabe no mercado de transferências. Um novo mercado no mundo do futebol se abriu, chamando a atenção de diversos jogadores, principalmente pelos valores ofertados.

Porém, com as grandes contratações feitas pelos times, algo que era dominado por dois times da América do Sul acabou acontecendo. Com as diversas chegadas de atletas milionários , os clubes da Arábia Saudita tomaram o posto de times mais valiosos fora da Europa, desbancando dois gigantes brasileiros Flamengo e Palmeiras.

Equipes mais ricas fora do Mercado Europeu;

  • Al-Hilal – Elenco de R$ 258,9 milhões de euros. Time de Neymar, Malcolm, Jorge Jesus e companhia.
  • Al-Nassr – Elenco de R$ 204,8 milhões de euros. Time de Cristiano Ronaldo, Sadio Mané e companhia.
  • Al-Ahli – elenco de R$ 170,13 milhões de euros. Time de Roberto Firmino, Kessié, Saint-Maximin e companhia
  • Flamengo – Elenco de R$ 162,8 milhões de euros *ex-primeiro colocado
  • Palmeiras – Elenco de R$ 161,2 milhões de euros *ex-vice colocado

O Al-Hilal, da Arábia Saudita, anunciou oficialmente, nesta quarta-feira (26), a contratação do atacante Malcom. O brasileiro foi vendido pelo Zenit por cerca de 60 milhões de euros (R$ 319 milhões, pela cotação atual) e se tornou a maior venda da história do clube russo. O atleta de 26 anos será comandado pelo treinador Jorge Jesus.

Revelado pelo Corinthians, Malcom tem passagens pelo Bordeaux (França), Barcelona (Espanha) e Zenit (Rússia). Na última temporada no clube russo, marcou 26 gols em 33 jogos.

Confira o anúncio e imagens da apresentação:

O Al-Hilal, da Arábia Saudita, oficializou uma proposta de 40 milhões de euros (R$ 213 milhões aproximadamente) pelo meio-campista Sergej Milinkovic-Savic, destaque da Lazio.

Segundo o jornal “Corriere Dello Sport”, da Itália, e o jornalista Fabrizio Romano, especialista no mercado de transferências, a oferta foi aceita pela equipe italiana, que negocia formas de pagamento com os sauditas. A decisão agora está nas mãos do meia, que vê com bons olhos uma possível transferência.

O jogador de 28 anos atua na Lazio desde 2015. Antes, atuou pelo Genk, da Bélgica, e pelo FK Vojvodina, da Sérvia. Pela seleção sérvia, Milinkovic-Savic tem 43 jogos, com sete gols marcados, e enfrentou o Brasil na fase de grupos das últimas duas Copas do Mundo.

Jorge Jesus chegou para comandar o Al Hilal e já começou a reformular a equipe. O atacante Marega está fora dos planos do clube. O treinador, por decisão técnica, liberou o jogador da pré-temporada e ele deixa a delegação.

O jogador maliano não foi utilizado pelo treinador português no primeiro jogo da pré-temporada, neste sábado (10), em que a equipe goleou o SC Lanskron, por 6 a 0, portanto já havia um cenário sobre a saída de Moussa Marega do clube.

Marega é um dos maiores destaques do Al Hilal, o jogador marcou nove gols e deu duas assistências em 32 partidas na última temporada. O atacante que veio do Porto está no Al Hilal desde 2021. A sua saída abre uma vaga no plantel de Jorge Jesus para mais um jogador estrangeiro. 

O Al Hilal, da Arábia Saudita, anunciou oficialmente, na noite deste sábado (1), a contratação do técnico Jorge Jesus. Treinador português de 68 anos foi cogitado nas seleções brasileira e saudita, mas optou pelo retorno ao clube de Riad.

O Mister estava no clube saudita antes de ir para o Flamengo em 2019. Ele também tem passagens pelos clubes de Portugal: União Madeira, Leiria, Moreirense,Belenenses, Braga e Benfica. O técnico havia terminado o vínculo com o Fenerbahçe, da Turquia, e estava livre no mercado.

Confira o anúncio oficial do clube Saudita e imagens da apresentação: